-->

Erro na correção do Enem 2019 afetou cerca de 6 mil candidatos, diz Weintraub

20 Janeiro 2020

Ministro da Educação aponta 'incongruências' nas correções das provas em ao menos quatro cidades brasileiras; erro seria causado por falha em impressora da gráfica contratada pelo Inep para confecção
da prova. Caderno de provas do Enem 2019 - 1º dia Ana Carolina Moreno/G1 O ministro da Educação Abraham Weintraub estimou em seis mil pessoas o número de afetados por erro na correção da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019. Em entrevista a uma rádio do Rio Grande do Sul, o chefe da pasta considerou "baixo" o impacto e disse que as notas serão corrigidas ainda na segunda-feira (20). "A gente já tem o número de pessoas e vai ser corrigido hoje à noite", disse Weintraub à Rádio Gaúcha. "Estamos falando de 0,1% das pessoas, isso dá cerca de cinco ou seis mil candidatos, problemas que que vão ser corrigidos. O impacto é baixo e não vai ter nenhum efeito para a maioria das pessoas." O ministro explicou que o erro seria da impressora da gráfica Valid, responsável pela diagramação, manuseio, embalagem, rotulagem e entrega aos Correios dos cadernos de provas. Segundo ele, a máquina "dava umas engasgadas" durante a impressão e isso gerou o descolamento da prova com o gabarito. Essa reportagem está em atualização.

Em breve novidade aqui!!!

Usuário(s) Online

Temos 7087 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree