Segunda, 24 Agosto 2020 13:30

Preso suspeito de agredir e sequestrar ex-companheira em Canoas


Homem foi encontrado em um motel em Montenegro. Mulher havia sido libertada no domingo (23) após ser levada por ele à força, no sábado (22). Com o suspeito foi
encontrado um revólver, munições e alta quantia em dinheiro Polícia Civil / Divulgação Um homem de 25 anos foi preso preventivamente nesta segunda-feira (24) suspeito de agredir e sequestrar a ex-companheira em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Ele foi encontrado em um motel em Montenegro, a 50 km. De acordo com as investigações, o casal estaria separado desde o início da última semana. Na sexta (21), o homem teria procurado a mulher na casa da mãe e, diante da negativa em reatar o relacionamento, puxou ela para o interior do veículo e arrancou o carro com metade do corpo dela para fora. Cerca de uma hora depois, liberou a ex-companheira, que ficou machucada no pé e no pescoço. Segundo a polícia, no sábado (22), o suspeito monitorou a movimentação da mulher nos arredores de casa e, quando ela saía em um carro de aplicativo, ele cortou a frente do veículo e a obrigou a acompanhá-lo. Após isso, os familiares não tiveram mais contato com a mulher. A polícia então começou as buscas. Por volta das 19h de domingo, a mulher foi deixada pelo homem em um posto de gasolina em Canoas. Em depoimento, ela relatou que ficou em poder do suspeito desde o final do dia de sábado até o domingo. Disse que o indivíduo dirigiu sem rumo, passando pelas cidades de Nova Santa Rita e Montenegro. Lá, ele decidiu se esconder em um motel, onde passaram a noite. A mulher contou ainda que conseguiu convencer o homem a liberá-la, fazendo promessas de reatar a relação. Também informou que o preso dizia ter uma arma de fogo. "Nossa maior preocupação era encontrar a vítima com vida, por isso enviamos todos os esforços, juntamente com outras instituições de segurança, para que localizássemos o cativeiro onde estava escondida. A liberação da vítima trouxe fôlego para seguirmos na localização do agressor, que já estava com a prisão preventiva decretada”, explica a delegada Clarissa Demartini. Com o homem, a polícia apreendeu um revólver calibre 38 e uma grande quantidade de dinheiro.
Ler 22 vezes

Atendimento ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Suporte ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Depto financeiro:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Publicidade & Propaganda: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Notícias

Vídeos

Guia Comercial

Nossa Empresa

Please publish modules in offcanvas position.