Sábado, 04 Mai 2019 22:59

Temporal causa transtornos na Região Metropolitana de Porto Alegre


Há registros de falta de luz em pontos de Canoas e Novo Hamburgo, e estragos provocados por granizo em Sapiranga. Na Capital, poste de energia ficou inclinado e carro
ficou preso a fio de luz. Registro do temporal em SapirangaSamanta Castro, reprodução/arquivo pessoal O temporal que atingiu parte do Rio Grande do Sul entre e o fim da tarde e o início da noite deste domingo (5) causou transtornos na Região Metropolitana de Porto Alegre. Há registros de falta de luz em pontos de Canoas e Novo Hamburgo, e estragos provocados por granizo em Sapiranga. De acordo com a RGE, por volta das 19h havia clientes sem energia em pontos de Canoas e Novo Hamburgo. Até então, os dados não foram contabilizados. A Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE) afirma que houve apenas uma falha em um alimentador, e que havia no mesmo horário alguns clientes atingidos na região onde fica o Hospital Ernesto Dornelles, no bairro Santana. Em Sapiranga, houve chuva de granizo. A Defesa Civil registrou casas danificadas nos bairros Floresta e São Luiz. Granizo atingiu Sapiranga no começo da noite deste domingo Samanta Castro/arquivo pessoal Em Porto Alegre, houve acúmulo de água em pelo menos quatro pontos da cidade, mas sem a necessidade de bloqueio do trânsito. Três semáforos para veículos ficaram fora de operação, na Estrada João Antônio da Silveira, nas avenidas Loureiro da Silva e João Pessoa. Carro preso a fio de luz Carro preso a poste de energia na Avenida Assis Brasil, em Porto Alegre Bernardo Bortolotto/RBS TV Na Avenida Assis Brasil, um poste ficou inclinado no canteiro central na altura do número 7.030. Um carro que passava pelo local ficou com um fio solto preso à uma roda dianteira. O carro ficou parado até a chegada de agentes de trânsito e técnicos da CEEE, o que aconteceu por volta das 19h30. Pouco antes da chegada dos profissionais, três carros bateram em um pequeno engavetamento, após o primeiro deles atingir o veículo que estava preso. Após o acidente, os técnicos chegaram e fixaram um poste de sustentação para reparar o problema.
Ler 38 vezes

Atendimento ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Suporte ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Depto financeiro:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Publicidade & Propaganda: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Notícias

Vídeos

Guia Comercial

Nossa Empresa

Please publish modules in offcanvas position.