-->

PF investiga esquema de venda de remédios da rede pública em farmácia de Pacaraima

13 Novembro 2019

Policiais cumpriram mandados de busca e apreensão na empresa nesta quarta-feira (13); esquema também envolve venda de remédios controlados sem autorização da Anvisa. Ação cumpriu dois mandados de busca
e apreensão em farmácia de Pacaraima Divulgação/Polícia Federal Uma farmácia onde funcionava um esquema ilegal de venda de remédios da rede pública de saúde e de medicamentos controlados sem autorização da Anvisa é alvo da Polícia Federal na manhã desta quarta-feira (13) em Pacaraima, no Norte do estado. De acordo com a polícia, nesta manhã foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão no local. A ação tem apoio da Vigilância Sanitária Estadual de Roraima e do Conselho Regional de Farmácia. As investigações começaram após funcionários da Vigilância Sanitária descobrirem durante uma fiscalização que os proprietários da farmácia estavam fazendo o comércio ilegal de remédios controlados, além de venderem medicamentos de uso exclusivo do serviço público de saúde. Segundo a PF, o local foi interditado à época, mas voltou a funcionar após os donos se regularizarem junto aos órgãos competentes. Depois disso, no entanto, eles continuaram a cometer as mesmas irregularidades. Agora, a polícia também tenta descobrir em quais circunstâncias os medicamentos da rede pública teriam sido desviados ou furtados de hospitais para serem vendidos clandestinamente na farmácia. Vizinha a Venezuela, a cidade de Pacaraima é rota de estrangeiros que cruzam a fronteira para comprar comida e remédios, itens escassos e caros no país em crise. Os donos da empresa devem responder pelo comércio de medicamento sem registro na Anvisa, venda de medicamentos de uso exclusivo do serviço público de saúde, além de não possuírem autorização para venda de medicamentos controlados. Se forem condenados, as penas poderão ultrapassar 30 anos.

Em breve novidade aqui!!!

Usuário(s) Online

Temos 163 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree