-->

SC tem 11 casos confirmados de dengue em 2020

23 Janeiro 2020

Todos os pacientes foram infectados fora de Santa Catarina. Estado tem mais de 2 mil focos do mosquito transmissor da doença. SC já tem 11 casos de dengue confirmados
em 2020 Santa Catarina tem 11 casos de dengue em 2020, de acordo com o boletim da Diretoria de Vigilância Epidemiológica do estado (Dive-SC) divulgado nesta quinta-feira (23). Todos os pacientes foram infectados fora do território catarinense. O estado tem 2.052 focos do mosquito transmissor da doença, o Aedes aegypti, em 111 municípios. Este é o primeiro boletim da Dive-SC sobre as doenças passadas pelo inseto. Os números são relativos ao período de 29 de dezembro de 2019 a 18 de janeiro de 2020. Pacientes com dengue são moradores de 7 cidades catarinenses Reprodução/NSC TV Os pacientes que tiveram dengue são moradores de Balneário Piçarras, Florianópolis, Guaramirim, Jaraguá do Sul, Pomerode, São João Batista e Saudades. Eles pegaram a doença nos estados de São Paulo, Bahia, Paraná e Mato Grosso. O número de pessoas que tiveram a doença aumentou em relação a 2019. No mesmo período do ano passado, foram seis. Mapa dos municípios com focos do mosquito transmissor da dengue Reprodução/Dive-SC Aumentou também o número de focos do mosquito transmissor. No mesmo período de 2019, eram 1.403 em 96 municípios. Segundo o boletim, atualmente Santa Catarina tem 97 cidades infestadas pelo Aedes aegypti, conforme tabela abaixo. Cidades infestadas pelo mosquito transmissor da dengue Reprodução/Dive-SC De acordo com o boletim, o estado não tem casos de febre de chikungunya ou vírus da zika em 2020. Prevenção A Diretoria de Vigilância Epidemiológica divulgou orientações para evitar proliferação do mosquito: evite usar pratos nos vasos de plantas - se usá-los, coloque areia até a borda; guarde garrafas com o gargalo virado para baixo; mantenha lixeiras tampadas; deixe os depósitos d’água sempre vedados, sem qualquer abertura, principalmente as caixas d’água; plantas como bromélias devem ser evitadas, pois acumulam água; trate a água da piscina com cloro e limpe-a uma vez por semana; mantenha ralos fechados e desentupidos; lave com escova os potes de comida e de água dos animais no mínimo uma vez por semana; retire a água acumulada em lajes; dê descarga no mínimo uma vez por semana em banheiros pouco usados; mantenha fechada a tampa do vaso sanitário; evite acumular entulho, pois ele pode se tornar local de foco do mosquito da dengue; denuncie a existência de possíveis focos de Aedes aegypti para a Secretaria Municipal de Saúde; caso apresente sintomas de dengue, febre de chikungunya ou vírus da zika, procure uma unidade de saúde para o atendimento Sintomas Segundo a Dive-SC, os sintomas de dengue são: febre alta, de 39ºC a 40ºC, com duração de dois a sete dias dor de cabeça fraqueza dores no corpo, nas articulações e no fundo dos olhos Também podem ocorrer machas pelo corpo, perda de apetite, náuseas e vômitos. Veja mais notícias do estado no G1 SC

Em breve novidade aqui!!!

Usuário(s) Online

Temos 12262 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree