-->

Governo leiloa trecho sul da BR-101/SC nesta sexta

21 Fevereiro 2020

É o primeiro leilão de rodovias do ano realizado pelo governo Bolsonaro. Trecho de 220 km vai do município de Paulo Lopes (SC) à divisa com o Rio Grande
do Sul. O governo federal realiza nesta sexta-feira (21) o leilão de concessão do trecho sul da BR-101/SC. O leilão está marcado para às 10h, na sede da B3, em São Paulo. Trata-se da primeira concessão de rodovia federal do ano e o segundo leilão do setor no governo Bolsonaro. O último foi o da BR-364/365, realizado em setembro e arrematado pela Ecorodovias. Leilão do trecho sul da BR-101/SC Infografia: Amanda Paes/G1 O trecho que será oferecido nesta sexta-feira possui 220 quilômetros, entre os municípios de Paulo Lopes (SC) e São João do Sul (SC), na divisa do estado com o Rio Grande do Sul. A rodovia dá acesso às praias mais importantes do estado, como a Praia do Rosa, Ferrugem, Balneário Camboriú e Bombinhas. O edital prevê quatro praças de pedágio, com tarifa-máxima de R$ 5,19, por praça. Vencerá a disputa o grupo que oferecer o maior deságio (desconto) nessa tarifa. O Ministério da Infraestrutura prevê investimentos da ordem de R$ 7,37 bilhões ao longo do período de 30 anos de concessão. A concessionária terá que construir, entre outras intervenções, 70 km de vias marginais, 98 km de faixas adicionais, 31 melhorias de acessos, 25 pontos de ônibus, 18 passarelas e 23 rotatórias. Além disso, 100% do trecho será monitorado por meio de câmeras, painéis de mensagem e sensores de tráfego. Por se tratar também do primeiro leilão de concessão do ano de um projeto do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), o evento tende a ser um termômetro do apetite dos investidores e da atratividade dos ativos que estão sendo oferecidos pelo governo federal à iniciativa privada. O governo prevê leiloar mais 6 rodovias em 2020. Na quarta-feira, anunciou a inclusão de 22 novos projetos no PPI, incluindo a relicitação de trecho da BR-040 entre MG e DF. Governo inclui 3 florestas nacionais em programa de privatizações Mapa das privatizações: governo prevê leiloar mais de 60 projetos em 2020 Modelagem vai mudar a partir dos próximos leilões O leilão da BR-101/SC deverá ser o último a seguir a modelagem atual, pela qual é declarado vencedor da concessão o grupo que oferece a menor tarifa de pedágio. A partir dos próximo leilão de rodovia, a disputa terá um modelo híbrido, que prevê também o pagamento de outorga (taxa paga para o governo para explorar a concessão). Segundo o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, a mudança busca garantir que o consórcio vencedor realize todos os investimentos previstos. Haverá um teto para o desconto tarifário oferecido pelas interessadas, a partir do qual começará a ser cobrada a outorga. "É uma forma de qualificar a competição a garantir caixa", afirmou ao explicar a nova modelagem no começo do mês. A concessão da Dutra deverá ser a primeira concessão sob o novo modelo, que ainda está em discussão pelo governo e também é alvo de críticas.

Em breve novidade aqui!!!

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree