-->

Após fechamento de fronteiras, turistas argentinos em Florianópolis são impedidos de voltar para casa

28 Março 2020

Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade informou que as autorizações de repatriamento dos visitantes foram suspensas após um decreto publicado pelo Governo da Argentina. Após fechamento de fronteiras,
turistas argentinos não conseguem voltar para casa Turistas argentinos em Florianópolis foram impedidos de retornar ao país natal após o fechamento das fronteiras. Neste sábado (28), a Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade (SIE) informou que estão suspensas todas as autorizações emitidas para o repatriamento dos visitantes dessa nacionalidade. Conforme a SIE, a suspensão foi motivada por um decreto publicado sexta-feira (27) pelo Governo da Argentina, que ampliou a proibição de ingresso em território nacional em razão da situação de emergência sanitária causada pela pandemia de Covid-19. Os argentinos têm autorização apenas para desembarcar nos aeroportos ou passar pelas aduanas. Um grupo de argentinos de férias em Canasvieiras, no Norte da Ilha, não se enquadram em nenhuma das opções. Nos últimos dias, a estadia dos turistas na capital catarinense tem sido dentro de um apartamento alugado. Foram só dois dias pra aproveitar a praia, porque no terceiro choveu. No quarto dia em Florianópolis, começaram as medidas de restrição em todo estado. Argentinos em Canasvieiras foram impedidos de voltar ao país NSC TV/Reprodução Quando saíram da Argentina, há duas semanas, o país já tinha medidas de isolamento social, mas ainda não havia sido mencionado um possível fechamento de fronteiras. Para usar o cartão de crédito no exterior, os argentinos precisam pagar um imposto de 30%. Por isso, eles têm usado dinheiro em papel, com valor limitado apenas para os dias previstos inicialmente na viagem. A Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade de Santa Catarina afirma que manterá contato com o consulado argentino para acompanhar as ações do governo e "seguirá as determinações que considerar viáveis e seguras nas análises de autorização de transportes para repatriamento". O que diz a embaixada O consulado da Argentina em Florianópolis informou a NSC TV que os turistas que tiveram dificuldades em retornar ao país devem acionar o órgão por telefone ou pelo site oficial da embaixada. Um formulário disponível na plataforma deve ser preenchido e enviado ao consulado. Veja outras notícias do estado no G1 SC
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree