-->

Cuidadora de médico morto em São Paulo tem prisão decretada

21 Fevereiro 2020
Suspeitos foram flagrados por câmeras de segurança Reprodução/Record TV

A cuidadora do médico idoso que morreu durante um assalto dentro de casa teve prisão temporária de 15 dias decretada na manhã desta sexta-feira (21), de acordo com informações da Record TV. Ela estava dentro do apartamento durante roubo e chegou a se amarrada pelos três homens que participaram da ação. O trio já foi identificado pela polícia. O imóvel está localizado na rua Luís Coelho, uma travessa da rua Augusta, na Consolação, região central de São Paulo.

A mulher passou a madrugada prestando depoimento. Ela seria vizinha do primeiro suspeito identificado e teria facilitado o crime. O trio que efetuou o roubo tinha a chave da entrada do prédio e também a do apartamento do idoso. Como não havia sinais de arrombamento, a polícia já desconfiava que algum familiar ou funcionário tinha envolvimento na ação. Segundo informações preliminrares, cópias dessa chave só podem ser feitas pelo fabricante, portanto, para conseguí-la, era necessário que alguém fizesse o repasse.

A esposa do suspeito e uma tia dele prestaram depoimento à polícia nesta madrugada. Na casa dele foram apreendidos alguns objetos. 

Ação

Câmeras de segurança mostram o momento em que dois homens se aproximam da portaria do edifício, por volta de 4h40. Eles entram e, em seguida, chega um terceiro cúmplice. Cerca de 15 minutos depois, eles saem carregando objetos em duas mochilas e ainda um cofre que, segundo a polícia, guardava R$ 2 mil.

Ao entrarem na residência, no primeiro andar, os homens amarraram o médico à própria cama e a cuidadora dele, que também estava no local, a uma cadeira. Murillo de Oliveira Villela morreu durante a ação. A polícia investiga se a morte foi provocada por asfixia da mordaça, se ouve algum outro tipo de asfixia mecânica, ou se houve parada cardíaca. As primeiras informações, logo após o crime, eram de que Murilo teria sofrido um infarto.

Quem encontrou as vítimas foi outra cuidadora, que chegou ao local pouco antes das 6h para substituir a mulher que foi rendida.


Em breve novidade aqui!!!

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree