-->

Chacina deixa quatro mortos e uma jovem ferida na Grande São Paulo

30 Junho 2020
Os irmãos Vinicius Fernando, de 20 ano (esq), Ricardo Davi Correia Inocêncio, de 17 anos, (centro) e Edilson Rosa, de 20 anos (direita) foram vítimas da chacina Reprodução/Facebook - montagem R7

Uma chacina deixou quatro mortos e uma jovem ferida por volta das 22h30 desta segunda-feira (29) em Embu Guaçu, região metropolitana de São Paulo. O crime ocorreu na rua Pedro de Moraes, perto da rodovia José Simões Louro Júnior, no Jardim São Paulo.

De acordo com informações da Polícia Militar, um grupo de oito jovens estava reunido em frente a uma fogueira em frente à entrada da favela Parque Industrial, quando dois atiradores quando dois criminosos, um deles trajando máscara, e ordenaram que o grupo deitasse no chão.

Chacina deixa 4 mortos em oficina na zona leste de São Paulo

Uma das vítimas, Edilson da Silva Rosa, de 20 anos, tentou enfrentar os bandidos e foi o primeiro a ser atingido.

Os demais jovens correram, enquanto os criminosos efetuaram ao menos 15 disparos, atingindo mais quatro pessoas. Adriano Neves, de 37, anos, os irmãos Vinicius Fernando e Ricardo Davi Correia Inocêncio, de 20 e 17, respectivamente, e uma jovem de 19 anos, ferida no braço. 

Os rapazes foram socorridos pelo Samu (Serviço Móvel de Urgência) e levados para o Pronto-Socorro Municipal de Embu Guaçu, onde morreram. a jovem foi transferida ao Hospital Geral de Itapecerica da Serra, onde passará por cirurgia.

Os atiradores fugiram de carro e sem levar nada. Até o momento, nenhum dos dois foi localizados. A Polícia Civil ouve as três pessoas que estavam no local e não foram atingidas para entender as circunstâncias do crime.

O local dos disparos fica a cerca de 800 metros da Delegacia de Embu Guaçu, onde a ocorrência foi apesentada. A polícia agora procura eventuais testemunhas e por câmeras de segurança que possam ter flagrado a ação. 

A perícia foi acionada ao local para iniciar os trabalhos de investigação. Os corpos de Embu Guaçu são encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Taboão da Serra.

Chacinas de 2020

Esta é a quarta chacina em São Paulo desde o início do ano. Em 26 de janeiro, três pessoas foram mortas e três ficaram feridas durante um tiroteio no Capão Redondo, zona sul da capital.

A cidade de São Paulo foi palco de mais uma chacina no dia 15 de junho, quando atiradores invadiram um oficina em São Miguel Paulista, na zona leste, e fizeram quatro vítimas.

Em abril, cinco pessoas morreram e três ficaram feridas durante um baile funk que ocorria em Jacareí, no interior paulista.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree