-->

Rendimento médio do trabalhador sergipano é o melhor do Nordeste, revela IBGE

07 Novembro 2019

Apesar da liderança na região, o estado está abaixo do rendimento médio nacional, que corresponde a salários acima de R$ 2 mil. Dinheiro Natalia Filippin/G1/Arquivo Sergipe tem uma média
salarial de R$ 1.609 mil e apresenta o maior rendimento médio real de trabalho no Nordeste, que é de R$ 1.441. Os dados são da Síntese de Indicadores Sociais 2019, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quarta-feira (6). O rendimento médio é, de acordo com a pesquisa, a categoria principal de avaliação da desigualdade e distribuição financeira do mercado de trabalho. Neste quesito, o estado está abaixo do rendimento médio nacional, que corresponde a salários acima de R$ 2 mil. Em Aracaju, capital do estado, o rendimento médio das ocupações formais é de R$ 2.690. O estado também apresenta maior rendimento médio real por sexo, em relação ao Nordeste. Os homens possuem um rendimento de R$ 1.755 enquanto as mulheres de R$ 1.402. Quando observada as raças, os pretos e pardos possuem um rendimento menor se comparado aos brancos, sendo de RS 1.531 e R$ 1.897, respectivamente.
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree