-->

Lacen recebe equipamentos para aumentar diagnósticos da Covid-19

31 Mai 2020

Materiais foram doados pela Embrapa Pesca e Aquicultura. Desde o início da pandemia, órgãos e entidades fizeram doações para ajudar no combate à pandemia. Lacen recebe da Embrapa
materiais que ajudarão nos diagnósticos da Covid-19 Divulgação/Secretaria Estadual da Saúde O Laboratório Central do Tocantins (Lacen) recebeu vários equipamentos que vão ajudar na ampliação da testagem para o diagnóstico da Covid-19. Os materiais foram doados pela Embrapa Pesca e Aquicultura. Foram entregues uma centrífuga e insumos, como álcool etílico absoluto, 12 mil ponteiras para análises de PCR, swabs (coletores de amostra) estéreis, tubos falcon (usados na análise de PCR) e pipetas. “Além do equipamento a Embrapa em Palmas se colocou a disposição para colaborar no processamento dos exames de RT-PCR para a Covid-19 e doou insumos que utilizamos na confecção de kits para coletas de RT-PCR e nas análises do laboratório”, explicou a diretora do Lacen, Jucimária Dantas Galvão. O Laboratório da Embrapa também poderá ser utilizado na realização de exames para amplificação e detecção do novo Coronavírus, caso necessário e após certificação oficial do Lacen. Desde o início da pandemia, órgão e entidades têm contribuído para o aumento de testagem feita no estado. No mês passado, o Lacen recebeu 15 mil testes rápidos contra a Covid-19, que foram comprados pelo Tribunal de Justiça do Tocantins. O material foi enviado para ser usado pelas Secretarias de Saúde e pelo Sistema Penitenciário. Uma parceria também foi firmada entre a Universidade Federal do Tocantins (UFT) e o laboratório para a realização de exames. A intenção é fazer mais testes e dar agilidade aos resultados principalmente em Araguaína, cidade com mais casos confirmados da doença. A UFT informou que, após uma reunião realizada na última terça-feira (26), além de traçar estratégias para o combate da pandemia no estado, solicitou a compra de reagentes e insumos necessários para a realização dos exames. Outros equipamentos como de RT-PCR, freezer-80 e cabines de proteção biológica também devem ser adquiridos. A Universidade informou também que vai solicitar o cadastro dos laboratórios de pesquisa dos campus de Araguaína, Palmas e Gurupi para a realização dos exames com a metodologia RT-PCR. Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree