Grupo finca cruzes em frente ao Congresso em referência à covid-19

29 Junho 2020

/>

Grupo é formado por cerca de 60 manifestantes Mateus Bonomi/Agif /Estadão Conteúdo – 28.6.2020

Manifestantes fincaram 1.000 cruzes em frente ao Congresso Nacional na manhã deste domingo (28), em homenagem às vítimas da covid-19 e em protesto contra a postura do presidente Jair Bolsonaro em combate à pandemia do novo coronavírus. O País já registra mais de 57 mil mortes pela doença.

A ação foi organizada pelo coletivo Resistência e Ação, grupo com cerca de 60 integrantes. "São pessoas que não concordam com a ausência de política de valorização da vida, com o descaso do governo", disse Cleide Martins, uma das organizadoras do ato. "Sabemos que muitas das pessoas que estão perdendo as pessoas não podem sequer se despedir."

Leia mais: 1ª morte por covid-19 ocorreu quatro dias antes do informado

Além das cruzes, foram colocadas faixas no local com dizeres contra o presidente. Em uma delas estava escrito "Fora Bolsonaro Mourão e Centrão". O ato faz parte do movimento intencional #StopBolsonaro.

O ato contou com a presença de algumas parlamentares. "Foi um ato muito bonito em homenagem às vítimas e ao mesmo tempo pontuado a necessidade de retirar Bolsonaro para que possamos enfrentar essa crise", disse a deputada federal Érika Kokay (PT-DF). A deputada Benedita da Silva (PT-RJ) e a presidente nacional do partido, Gleisi Hoffmann, também estiveram presentes.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree