Morre em acidente o ambientalista e político Alfredo Sirkis

11 Julho 2020
Alfredo Sirkis durante a Marcha pelo Clima no Rio, antes da COP21 (Foto: arquivo pessoal)

Morreu hoje pela tarde em um acidente de carro o ambientalista, político, jornalista e escritor Afredo Sirkis,

69 anos. Sirkis é reconhecido por levar a luta ambiental para o centro da política. Foi secretário de Meio Ambiente do Rio de Janeiro e um dos fundadores do Partido Verde.

O acidente aconteceu por volta das 13h50 no Arco Metropolitano (BR-493), na Baixada Fluminense enquanto ele viajava sozinho em direção ao sítio em Morro Azul, em Paulo de Frontin, para visitar sua mae, Liliane, de 96 anos. Ele morreu no local.

Sirkis atuou como coordenador Executivo do Fórum Brasileiro de Mudança do Clima (FBMC) entre outubro de 2016 a maio de 2019, quando foi exonerado do cargo pelo presidente Jair Bolsonaro.

Em sua tragetória política, Sirkis foi deputado federal, vereador por quatro mandatos no Rio de Janeiro e nas eleições de 1998, foi candidato à Presidência da República pelo Partido Verde, o qual ele ajudou a criar.

Lucio Mauro, Betinho, Sirkis, Gabeira, Minc e Chico Mendes — Foto: Reproduçãp
Lucio Mauro, Betinho, Sirkis, Gabeira, Minc e Chico Mendes — Foto: Reproduçãp

Estava divulganda o livro recém lançado “Descabonário”, que reunia relatos sobre sua trajetória como político e ambientalista fazendo um balanço dos acontecimentos nos últimos anos tratando temas como sustentabilidade, corrupção, ascensão e queda das esquerdas, o ressugirmento da extrema-direita e ainda apontava caminhos para a economia pós-pandemia.

O título faz referência ao livro Carbonário, também de Sirkis, que conta sua trajetória como militante de oposição à ditadura brasileira e venceu o Prêmio Jabuti. Ele foi exilado, em 1971, e iniciou sua carreira como jornalista em Paris, no jornal Libération.

Morreu meu querido amigo Alfredo Sirkis. Há dias participei da live de lançamento do seu livro O Descarbonário. Tristeza! Tava indo num fusca, bateu e morreu perto do Arco Metropolitano. Tava muito feliz! Comprei o livro, só vai chegar depois dele ter partido. Muita tristeza! pic.twitter.com/I48cyyvtmO

— Carlos Minc (@minc_rj) July 10, 2020

Lamento a ida precoce deste meu estimado amigo. Era preocupado com o país e com a humanidade. Expressava isso com seu trabalho na defesa do meio ambiente.Neste momento de tantos ataques à natureza, aos povos tradicionais e ao nosso país, fará grande falta. https://t.co/HKOGGeT3ZE

— Ciro Gomes (@cirogomes) July 10, 2020

É muito difícil expressar a grande tristeza que a morte de Alfredo Sirkis nos causa, a todos nós que tivemos a alegria de tê-lo como amigo e companheiro nas jornadas em defesa da democracia e do meio ambiente. pic.twitter.com/r3xh9aXBAT

— Marina Silva (@MarinaSilva) July 10, 2020

Muito triste a notícia da morte tão abrupta do ex-deputado Alfredo Sirkis. O Brasil perdeu, sem dúvida, um dos seus grandes ativistas na luta pela preservação do meio ambiente. Em nome da Câmara dos Deputados, registro nosso profundo sentimento de pesar aos familiares e amigos.

— Rodrigo Maia (@RodrigoMaia) July 10, 2020

Fonte: Amazônia.org.br

Deixe um comentário

K2_LEAVE_YOUR_COMMENT

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree