Unicamp libera gabarito oficial da 1ª fase do vestibular 2020 e questão igual à da Fuvest 2019 é mantida

19 Novembro 2019

Universidade aplicou prova para 66,8 mil candidatos no domingo (17); veja as respostas. Lista de aprovados e notas de corte por carreira serão divulgadas por comissão em 9 de
dezembro. Candidatos durante 1ª fase do vestibular 2020 da Unicamp Eduardo Rodrigues/EPTV A Unicamp liberou nesta terça-feira (19) o gabarito oficial da 1ª fase do vestibular 2020, aplicado no domingo para 66,8 mil candidatos em 30 cidades paulistas, além de Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Curitiba (PR), Fortaleza (CE) e Salvador (BA). VEJA AQUI AS RESPOSTAS. Veja como foi a cobertura em tempo real da prova Confira a correção comentada Prova teve questão igual a da Fuvest 2019 Cursinho elege e comenta as 10 questões mais difíceis A comissão organizadora do exame (Comvest) decidiu manter como válida uma questão de matemática que teve enunciado parecido com uma pergunta formulada na prova da Fuvest do ano passado. "Sobre a questão 32 das provas Q e X, a COMVEST consultou a banca e verificou que não há problemas quanto à pertinência e à clareza da questão. À parte a proximidade entre essa questão e uma usada em outro exame vestibular em 2018, não houve prejuízos ou benefícios a qualquer candidato. O tópico é recorrente no Ensino Médio e nas avaliações, assim como a natureza da contextualização usada. Dessa forma, a banca concluiu pela manutenção da questão." Questão 60 de matemática da prova 'Q e X' da primeira fase da Unicamp foi considerada uma das mais difíceis no vestibular 2019. Reprodução/Prova Unicamp Nesta edição, a universidade estadual oferece 2,5 mil oportunidades em 69 cursos de graduação e a lista de aprovados na 1ª fase e as notas de corte para cada carreira serão divulgadas em 9 de dezembro. O exame foi composto por 90 questões de múltipla escolha: 13 de língua portuguesa e literaturas de língua portuguesa, 13 de matemática, 9 de história, 9 de geografia (incluindo neste grupo filosofia e sociologia), 9 de física, 9 de química, 9 de biologia, 7 de inglês e 12 interdisciplinares. Candidatos ouvidos pelo G1 relataram que a prova abordou assuntos como desmatamento, pornochanchada, crise econômica, racismo, religião na Idade Média e incêndios no Centro de Treinamento do Flamengo, na Catedral de Notre-Dame, em Paris, e no Museu Nacional, Rio de Janeiro. Dez cursos mais concorridos Medicina - 325 candidatos por vaga (c/v) Arquitetura e urbanismo - 87 c/v Ciências biológicas–integral - 60 c/v Comunicação social–midialogia - 49 c/v Ciência da computação - 40 c/v Farmácia–integral - 39 c/v História–integral - 37 c/v Engenharia da computação - 38 c/v Engenharia química–integral - 35 c/v Enfermagem–integral - 33 c/v Cidades com vestibular A Unicamp aplicou a prova em 30 municípios do estado de São Paulo: Araçatuba, Bauru, Botucatu, Bragança Paulista, Campinas, Franca, Guarulhos, Indaiatuba, Jundiaí, Limeira, Lorena, Marília, Mogi das Cruzes, Mogi Guaçu, Osasco, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santa Bárbara D’Oeste, Santo André, Santos, São Bernardo do Campo, São Carlos, São João da Boa Vista, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo, Sorocaba, Sumaré e Valinhos. A lista inclui também mais cinco capitais: Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Curitiba (PR), Fortaleza (CE) e Salvador (BA). Calendário A 2ª fase do vestibular 2020 está marcada para os dias 12 e 13 de janeiro. Está será a primeira vez em que o formato passa a ter dois dias de prova dissertativa com cinco horas de duração cada um, enquanto que até a edição anterior eram três dias, cada um deles com até quatro horas para término. Primeiro dia: oito questões de português, duas de inglês e uma redação. Segundo dia: seis questões de matemática, duas de ciências da natureza e duas de ciências humanas (interdisciplinares), além de 12 questões específicas da área escolhida pelo candidato. As avaliações de habilidades específicas (exigidas aos candidatos de arquitetura e urbanismo, artes cênicas, artes visuais e dança) serão entre os dias 20 e 24 de janeiro. A divulgação da primeira chamada ocorre em 10 de fevereiro, enquanto que a matrícula (não presencial) dela será em 11 de fevereiro. Initial plugin text Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Em breve novidade aqui!!!

K2_LEAVE_YOUR_COMMENT

Outras Categorias

Quem Somos

Usuário(s) Online

Temos 674 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree