Equador confirma quase 200 casos do novo coronavírus, com 3 mortes

19 Março 2020
Casos no Equador crescem até 20% por dia Reuters

O Equador registra três mortes e 199 casos confirmados por conta do novo coronavírus, principalmente na província de Guayas, cuja capital é Guayaquil, onde 157 estão infectados, informou nesta quinta-fera (19) a diretora da Secretaria de Gestão de Riscos, Alexandra Ocles.

Ela afirmou que 575 pessoas estão sob cerco epidemiológico, 336 casos foram descartados, enquanto 320 estão sob suspeita e as mortes pelo coronavírus continuam sendo três no país.

Segundo Alexandra, os indicadores mostram "um processo de contágio em crescimento", com um aumento de 10% a 20% a cada dia.

Por esse motivo, ela insistiu para que os cidadãos cumpram as medidas de prevenção: "A única coisa que neste momento nos faz bem é ficar em casa".

O Equador está em uma situação de emergência sanitária, com quarentena e toque de recolher noturno, que está em vigor em todo o território nacional desde a noite da última terça-feira e que em Guayas, onde há mais casos registrados, foi endurecido ontem, quando passou a vigor a partir das 16h (hora local).

A Confederação de Nacionalidades Indígenas do Equador (Conaie) pediu hoje ao governo que solicite a cooperação e a ajuda de profissionais cubanos de saúde e medicina para enfrentar a expansão da Covid-19.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree