“Saidinha”: Suzane von Richthofen deixa a prisão para o Dia das Mães

07 Mai 2019

(Jefferson Coppola/Veja SP)

Condenada a 39 de anos de prisão pelo assassinato dos próprios pais, Suzane von Richthofen foi liberada nesta quarta-feira (8) da penitenciária feminina de Tremembé,

no interior de São Paulo, para a “saidinha do dia das mães”.

Ela deixou o complexo prisional por volta das 8h da manhã e vai passar 7 dias em liberdade. Por estar em regime semiaberto, tem a prerrogativa de deixar o cárcere em algumas situações: Páscoa, Dia das Mães, Dia dos Pais, Dia das Crianças, Natal e Ano Novo.

Suzane chegou a ter o benefício suspenso por ter ido a um casamento, na saída de Natal, em um endereço distante do que havia informado à polícia que ficaria. Mas a 5ª Câmara Criminal de São Paulo decidiu que o caso não foi uma falta grave e devolveu a prerrogativa.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree