-->

Cerca de 250 mil manifestantes pedem renúncia de primeiro-ministro na República Tcheca

16 Novembro 2019

Milionário Andrej Babis é acusado de corrupção. Protesto acontece na véspera do 30º aniversário da Revolução de Veludo, que derrubou comunismo na antiga Tchecoslováquia. Manifestante com bandeira da República
Tcheca participa de protesto contra o primeiro-ministro, Andrej Babis, em Praga Michal Cizek/AFP Cerca de 250 mil tchecos, segundo dados oficiais, se manifestaram neste sábado (16) em Praga para exigir a renúncia do milionário primeiro-ministro Andrej Babis, acusado de corrupção, na véspera do 30º aniversário da Revolução de Veludo, que derrubou o comunismo na antiga Tchecoslováquia. Os manifestantes levavam bandeiras e cartazes pedindo para Babis renunciar. O ministro do Interior, Jan Hamacek, citado pela agência CTK, informou que eram cerca de 250 mil pessoas reunidas no parque Letna, no centro de Praga. A manifestação ocorreu na véspera do 30º aniversário da Revolução de Veludo - quando protestos inéditos e uma greve geral deram fim a quatro décadas de totalitarismo imposto pela antiga União Soviética sobre a então Tchecoslováquia. Antigo comunista, o populista Babis enfrenta uma série de acusações de corrupção e uma investigação da Comissão Europeia sobre um possível conflito de interesses em torno de sua holding Agrofert, que reúne diversas atividades nas suas vastas explorações agrícolas, na imprensa e no setor químico. O presidente nega as acusações, e seu partido segue à frente nas pesquisas, com apoio de cerca de 30% da população. 250 mil pessoas participam de manifestação contra o primeiro-ministro Andrej Babis na República Tcheca Michal Cizek/AFP

Em breve novidade aqui!!!

Usuário(s) Online

Temos 554 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree