-->

Suspeitos de matar brasileira nos EUA são presos no Espírito Santo

22 Fevereiro 2020
Reprodução/ Instagram
Corpo de Ana Paula Braga foi encontrado na cidade de Hot Springs

Dois homens suspeitos de assassinar

a brasileira Ana Paula Braga foram presos no Espírito Santo depois de 24 dias de buscas. A Polícia Federal localizou a dupla neste sábado (22) na cidade de Cariacica.

Leia também: Governo do Ceará afasta 168 policiais por participação em motim

Ana Paula desapareceu no último dia 29 de janeiro, após conversar com a mãe por telefone. A brasileira de 23 anos era motorista de aplicativo e seu corpo foi encontrado numa cidade chamada Hot Springs no dia 14 de fevereiro.

De acordo com a Polícia Federal os suspeitos protagonizaram uma "fuga cinematográfica". Ainda não foi determinada a motivação para o crime."Durante todo esse tempo, a dupla pressionou e extorquiu, tanto os próprios familiares quanto parentes da vítima, com o intuito de obtenção de recursos que os ajudassem na fuga", informou a PF em comunicado.

Como aconteceu a prisão?

pf
Agência Brasil
Polícia Federal

A PF deu alguns detalhes sobre como teria ocorrido o assassinato de Ana Paula. Segundo a corporação, a jovem foi assassinada em 30 de janeiro e seu corpo foi transportado dentro de seu próprio carro ate ser desovado.

De Hot Springs, a dupla viajou no carro de Ana Paula até o estado de Oklahoma e, depois, partiu de ônibus até o Texas. De lá, atravessaram o México a pé e, na Cidade do México seguiram de avião até o Rio de Janeiro.

As polícias americana e brasileira entraram em contato e descobriram o paradeiro dos suspeitos no estado do sudeste. Homens do 7º Batalhão da Polícia Militar do Espírito Santo, do Grupo Integrado de Operações de Segurança do ES, do Ministério Público e agentes internacionais realizaram a detenção dos acusados de matar Ana Paula na manhã deste sábado (22).

Leia também: Quase metade das brasileiras já sofreu assédio ou importunação sexual no Carnaval

Não foi divulgada a identidade de nenhum dos suspeitos e nem informado se os mesmos serão enviados aos Estados Unidos para responderem pelo crime. O Departamento de Polícia de Los Angeles (LAPD) é o responsável pela investigação da morte da brasileira.


Em breve novidade aqui!!!

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree