-->

Colocar povo em casa com medo é "falta de discernimento", diz Toffoli

23 Março 2020
Rosinei Coutinho/STF
Presidente do STF, ministro Dias Toffoli

O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Dias Toffoli, disse nesta segunda-feira (23) à coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo,

que a medida provisória (MP) publicada na madrugada desta segunda-feira (23) pelo presidente Jair Bolsonaro mostrava "falta de discernimento" do governo.

Um trecho da MP dava às empresas a permissão de suspender contratos de trabalho por quatro meses. Diante da repercussão negativa, Bolsonaro revogou o texto no começo desta tarde.

Leia também: Tabata Amaral diz que Bolsonaro "representa risco ao seu próprio país"

"Você colocar o povo dentro de casa, com medo, e sem remuneração, sem garantia, é falta de discernimento", afirmou Toffoli.

"O presidente [Bolsonaro] agiu bem em suspender e para pensar em uma maneira de resolver esses problemas", completou.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree