-->

Anvisa aprova retomada de testes da vacina de Oxford para Covid-19

13 Setembro 2020
Foto: Divulgação/Anvisa
No comunicado, a Anvisa diz que continuará acompanhando todos os eventos adversos observados durante o estudo

No início da noite do sábado (12), a Agência Nacional de Vigilância

Sanitária (Anvisa) aprovou a retomada dos testes no Brasil da chamada "vacina de Oxford" contra a Covid-19. A decisão da agência foi publicada após receber informações oficiais da empresa AstraZeneca, responsável pelo desenvolvimento da vacina em conjunto com a Universidade de Oxford, no Reino Unido.

Ainda no sábado, os ensaios clínicos para a vacina foram retomados no Reino Unido. Até o fim da manhã, no entanto, a Anvisa ainda aguardava os dados oficiais do governo britânico e do laboratório. A análise foi iniciada e concluída nesta tarde.

"Após avaliar os dados do evento adverso, sua causalidade e o conjunto de dados de segurança gerados no estudo, a Anvisa concluiu que a relação benefício/risco se mantém favorável e, por isso, o estudo poderá ser retomado", diz a agência reguladora.

No comunicado, a Anvisa diz que "continuará acompanhando todos os eventos adversos observados durante o estudo e, caso seja identificada qualquer situação grave com voluntários brasileiros, irá tomar as medidas cabíveis para garantir a segurança dos participantes".

Em nota, a AstraZeneca informou que os testes no Brasil serão retomados na próxima segunda (14).

"A AstraZeneca está comprometida com a segurança dos participantes do estudo e os mais altos padrões de ética e boas práticas em estudos clínicos. A empresa continuará a trabalhar com as autoridades de saúde em todo o mundo e orientará quando outros testes clínicos poderão ser retomados para fornecer a vacina de forma ampla, equitativa e sem lucro durante esta pandemia", diz o laboratório.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree