-->

China prepara lançamento de pelo menos três foguetes em 2020

17 Fevereiro 2020

A China se prepara para o lançamento de uma série de foguetes para expandir os projetos espaciais do país. Os chineses trabalham no lançamento de pelo menos três modelos Long

March.

Os veículos servirão a três propósitos do governo chinês: ajudar na construção de uma futura base espacial chinesa, além de permitir o transporte e decolagem de satélites, bem como viagens de ida e retorno entre a Terra e o espaço.

Conforme informações do site Space.com, as preparações para a primeira viagem com o Long March 7A já estão avançadas. Em janeiro, a embarcação Yuanwang-21 iniciou o transporte do primeiro foguete Long March 7A de uma fábrica em Tianjin, para Wenchang, onde deve ocorrer o lançamento.

A espaçonave é uma versão maior do que seu antecessor Long March 7. A expectativa é que a nave espacial consiga transportar objetos de até 7 toneladas até a órbita de transferência geoestacionária, que está em altitude aproximada de 35 mil km. 

Essa órbita é especialmente importante para satélites de estratégia militar, monitoramento do clima e comunicação. O lançamento do foguete pode acontecer em março.

Long March 5B

O primeiro foguete Long March 5B, uma nova versão do gigante Long March 5, também chegou a Wenchang. O veículo deve cumprir a missão de transportar os primeiros módulos na base espacial chinesa para órbita terrestre inferior (LEO), que fica a 2000 km de altitude. Antes, o foguete deve ser usado para ajudar no teste da próxima geração de naves tripuladas da China.

Reprodução

Ainda sem tripulantes, o novo veículo, que ainda não recebeu um nome, vai ser testado em órbita. A expectativa é que essa espaçonave misteriosa permita a China enviar seis astronautas simultâneamente ao espaço e empreender viagens para Lua e Marte.

Segundo a agência espacial chinesa (CMSA), o Long March 5B já passou pelos testes necessários. Se a missão for um sucesso, a China pode fazer uma segunda operação, já com os módulos de sua base espacial nos primeiros meses de 2021.

Long March 8

Outro foguete que deve ir ao espaço como parte do programa espacial chinês é o Long March 8. Essa será a primeiro missão chinesa de envio e retorno de um foguete orbital - e se concluída, o país ganha o título da segunda nação a alcançar esse feito.

Imagens do novo lançador mostram grandes e sistema de pouso semelhantes ao foguete Falcon 9, da empresa SpaceX. No entanto, diferente das naves da companhia de Elon Musk, o Long March 8 aparentemente tentará pousar com dispositivos laterais ainda recolhidos no veículo.

 

Fonte: Space.com

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree