-->

Teoria sobre a atmosfera de Júpiter é corrigida

21 Fevereiro 2020

Por cerca de 25 anos, astrônomos acreditaram que a quantidade de água presente na atmosfera de Júpiter era escassa, mais até do que na do Sol. Novas medições mostram que a suposição

estava errada: o planeta tem três vezes mais água em sua atmosfera que o Sol.

Os resultados foram obtidos pela missão Juno, da Nasa. A estimativa é de que a água compõe cerca de 0,25% das moléculas na atmosfera de Júpiter.

Esse dado esclarece um enigma sobre a origem do planeta: hidrogênio e hélio são os elementos mais comuns em Júpiter, seguido por oxigênio. Os cientistas acreditam que esse elemento se formou pela evaporação do disco protoplanetário, um disco rotativo de gás e poeira que envolve uma estrela recém-formada.

Isso indica que o planeta deve ter água em sua atmosfera, nem que seja em pequenas quantidades.


Em breve novidade aqui!!!

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree