-->

Tecido para máscaras quer matar novo coronavírus por campo elétrico

23 Mai 2020

Com a disseminação veloz do novo coronavírus, o uso de máscaras tem sido recomendado para diminuir a incidência de covid-19. E se as máscaras, além de impedir que o vírus se espalhe,

pudessem matá-lo? 

Pensando nisso, uma equipe de pesquisadores americanos criou um tecido com elementos que podem confundir as propriedades eletrocinéticas do vírus. E isso diminui a capacidade dele de infectar.

O tecido produz um campo elétrico fraco com baterias de microcélulas quando exposto à umidade. Assim, a proliferação da infecção é bloqueada. Atualmente, a tecnologia é usada como curativo por ter a capacidade de matar vírus e bactérias e por ser inofensiva aos humanos.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree