-->

Como fazer a devolução do auxílio emergencial

30 Junho 2020

Para ajudar as pessoas que foram afetadas pela pandemia do coronavírus, o governo criou o auxílio emergencial cedendo R$ 600,00 para trabalhadores informais e desempregados que não estavam cadastrados em

seus programas. Apesar da boa intenção, devido a informações passadas de forma não muito clara para a população, muita gente acabou pedindo e recebendo este benefício de forma indevida.

Assim, as pessoas que estão nesta condição precisam devolver ao Governo o dinheiro que foi obtido de forma indevida. Para ajudar a saber como você pode realizar este processo, confira este tutorial do Olhar Digital de como fazer a devolução do auxílio emergencial.

Quem deve fazer a devolução do auxílio emergencial

Antes de seguir o procedimento abaixo, primeiro, saiba quais são as regras impostas pelo Governo para quem não tem o direito ao auxílio emergencial. Veja:

  • Pertence à família com renda superior a três salários mínimos (R$3.135,00) ou cuja renda mensal da pessoa por família seja maior que meio salário mínimo (R$ 522,50);
  • Possui um emprego formal;
  • Já está recebendo o Seguro Desemprego;
  • Está recebendo benefícios previdenciários, assistenciais ou benefício de transferência de renda federal, com exceção do Bolsa Família;
  • Recebeu rendimentos tributáveis acima do teto de R$ 28.559,70 em 2018, de acordo com a declaração do Imposto de Renda.

Como fazer a devolução do auxílio emergencial

O processo para fazer a devolução do auxílio emergencial pode ser feito através de um site criado pelo governo, que pode ser acessado tanto no celular quanto no computador. Em nosso caso, o tutorial foi feito através do celular. Confira:

1. Acesse este link do Ministério da Cidadania no navegador de sua preferência;

2. Com a página carregada, primeiro, digite o número do “CPF do Beneficiário”;

Reprodução

3. Agora, toque no campo logo abaixo para informar a sua “Data de Nascimento” e marque a caixinha ao lado de “I’m not a robot”. Com tudo preenchido, toque em “Consultar”;

Reprodução

4. Na próxima tela escolha a opção de pagamento entre “Banco do Brasil” ou “Qualquer Banco” e realize a emissão do boleto para poder pagá-lo.

Pronto! Agora, você já sabe como efetuar a devolução do auxílio emergencial.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree