-->

Netflix pode perder The Office e Friends

25 Abril 2019

“The Office” é a atração mais popular da Netflix. E pode ser que, em breve, a plataforma fique sem ela. Isso porque, a dona dos direitos, NBCUniversal, a licenciou para a Netflix

há alguns anos, mas, agora, que pretende lançar seu próprio serviço: discussões internas estão em andamento para que o programa seja removido da Netflix quando o contrato vencer, em 2021.

E é provável que essa não seja sua única perda. Três de seus maiores fornecedores — além da NBCUniversal, a WarnerMedia e a Walt Disney são provedoras de conteúdo que representa quase 40% da audiência da Netflix — já anunciaram que estão desenvolvendo plataformas de streaming. E, obviamente, vão querer ter sua programação disponível em suas vitrines virtuais.

Reed Hastings, o CEO da empresa, disse que a companhia já espera, há algum tempo, perder parte de seu conteúdo. “Estamos preparados para isso e, na verdade, ansiosos para ter mais dinheiro para produzir nossos próprios títulos.” Segundo Ted Sarandos, responsável pelo conteúdo da plataforma, diz que o tempo de audiência dos originais continua a crescer.

Mesmo assim, a plataforma insiste em manter alguns programas com exclusividade. É o caso de “Friends”, cuja licença lhe custou US$ 100 milhões em 2019.Quando a WarnerMedia lançar seu serviço, entretanto, é possível que ela termine o contrato ou proponha dividir a exibição. A Netflix informa que vai avaliar essas situações caso a caso.

A companhia tem, hoje, perto de 149 milhões de clientes e deve investir, neste ano, algo como US$ 12 bilhões na produção de conteúdo. E isso é uma constante já há alguns anos, porque a plataforma tem buscado se preparar para o fim do licenciamento dos programas.

Embora os originais da companhia atraiam novos espectadores, não são eles que conduzem a audiência. Enquanto o material exclusivo garante muita procura logo após o lançamento de novos episódios, as reprises de programas consagrados são mais consistentes.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree