Orientações básicas de armazenamento, manuseio e substituição de toner e revelador

Vladimir Bossoni, gerente nacional de Vendas da Katun Brasil enviou-nos essas orientações básicas de armazenamento, manuseio e substituição de toner e revelador. São dicas simples e funcionais que devem ser seguidas pelos remanufaturadores e podem ser repassadas aos clientes, evitando assim danos desnecessários no material de remanufatura
Apesar de todos na indústria de equipamentos comerciais estarem familiarizados com toner, é surpreendentemente comum ocorrerem problemas de desempenho que poderiam ser evitados seguindo-se algumas orientações básicas. Também é importante educar os usuários finais a respeito de alguns desses conceitos simples. Neste texto, apresentamos alguns esclarecimentos fáceis de lembrar sobre armazenamento e manuseio de toner. Além disso, aqueles relativamente novatos no setor de copiadoras podem se beneficiar de informações sobre o papel do revelador em equipamentos bicomponente (toner/revelador) e sobre a importância de substituir o revelador nos intervalos apropriados indicados pelo fabricante.
Mantenha toner e revelador resfriados e secos!
Altas temperaturas e umidade excessiva têm efeitos extremamente nocivos ao toner e ao revelador. Se você estiver na indústria há muito tempo, talvez considere tal afirmação como senso comum. No entanto, é surpreendente a frequência com que a exposição ao calor ou à umidade afetam tais componentes. Mesmo assim, os usuários finais, ou até mesmo os técnicos, geralmente não reconhecem a fonte de seus problemas quando isto ocorre.

O que o calor excessivo faz a estes componentes? Basicamente, ele faz com que as partículas de toner grudem umas nas outras ("se aglomerem"). Lembre-se que o revelador também contém toner além de catalizador, portanto a reação física é a mesma. Caso o calor seja forte o suficiente, ou a exposição a ele seja longa o suficiente, o toner ou o revelador não terão desempenho aceitável para a aplicação pretendida. O resultado pode ser uma distribuição inadequada do toner, formação de background nas cópias e até falha da unidade reveladora, se a situação for extrema.

Uma simples associação nos ajuda a explicar porque a umidade afeta estes suprimentos de forma adversa. Devemos lembrar que todo o processo xerográfico está baseado no comportamento de forças eletrostáticas. Em termos comuns, a eletricidade estática é mais forte e mais observável em ambientes secos (um aposento acarpetado em um dia frio de inverno, por exemplo) do que em ambientes úmidos. É por isso que raramente se leva um choque ao tocar um objeto após andar sobre carpetes nos meses quentes e úmidos da primavera e do verão, mas isto frequentemente ocorre quando o ambiente está mais seco.

Assim como condições ambientais extremas afetam outras forças físicas, elas também influenciam se as partículas de toner são carregadas ao nível especificado. Falando de forma geral, toner exposto à umidade alta por um período longo pode nunca receber ou reter uma carga triboelétrica (estática) alta o suficiente para funcionar apropriadamente. Em equipamentos bicomponente, isto provoca maior revelação do toner no fotorreceptor e cópias escuras ou background; em equipamentos monocomponente, é provável que ocorra o oposto: revelação reduzida do toner e cópias fracas. No entanto, os efeitos adversos não estão apenas ligados à qualidade da imagem. Por exemplo: revelação excessiva também reduz o rendimento.

Ao longo de todo o ciclo de distribuição (fornecedor/comerciante/usuário final), lembretes ocasionais para manter o toner resfriado e seco seriam apropriados. Tal regra geral e simples pode evitar problemas ou esclarecer mistérios quando a exposição ao calor ou à umidade tenha danificado o produto.

Chacoalha, Chacoalha!

Quando a agitação é boa? Certamente não quando são seus clientes que estão agitados, inquietos... Nossa resposta é: "quando se trata de agitar adequadamente um cartucho ou frasco de toner antes da instalação."

Para usuários finais responsáveis por instalar toner, agitar bem o cartucho ou frasco é geralmente o primeiro passo para obter do toner um desempenho ótimo e sem problemas. Alguns fabricantes inclusive recomendam bater o cartucho contra uma superfície dura várias vezes. Tais ações melhoram as características de fluxo seco do toner, assegurando que ele será correta e completamente distribuído. Isto também ajuda a garantir que a mistura e a carga adequadas ocorram dentro da unidade reveladora.

O que pode ocorrer caso o toner não seja adequadamente agitado antes da instalação? Um resultado possível é rendimento reduzido, o que aumentará os custos de suprimento para o equipamento. Também podem ocorrer problemas de qualidade de imagem como áreas inaceitavelmente claras ou escuras nas cópias.

Os usuários finais que seguem as instruções de instalação presentes na caixa do toner ou na folha de instruções, inclusive quanto à agitação adequada do toner, obtém os melhores resultados possíveis.

A Substituição do Revelador dentro do Prazo Ajuda a Garantir uma Qualidade de Imagem Consistente
Em sistemas reveladores bicomponente, a razão principal para trocar o revelador (que consiste de uma mistura de toner e catalizador) é evitar as variações substanciais na qualidade da imagem decorrentes da falha do catalizador.

A função principal do revestimento catalizador é fornecer uma superfície adequada para a carga correta do toner. Quaisquer alterações nesta superfície afetam, consequentemente, o nível de carga do toner. Tais alterações na carga do toner rompem o equilíbrio eletrostático delicado dentro do revelador. Com isso, pode-se criar variações perceptíveis na qualidade da imagem. Normalmente, a falha do catalizador ocorre em decorrência de um dos seguintes fatores: (1) aderência permanente de várias partículas de toner à superfície do catalizador, ou (2) desgaste gradual e erosão do revestimento catalizador. Nenhuma dos dois fatores pode ser evitado; ambos são ocorrências normais conforme cópias/impressões são feitas em um sistema revelador bicomponente. A única solução é a substituição periódica do revelador, que introduz catalizador e toner "frescos" no sistema.

Fabricantes de copiadoras/impressoras avaliam o desempenho do revelador nos equipamentos que fabricam e recomendam intervalos de substituição do revelador de acordo com esta avaliação. Apesar de ser tentador para o comerciante tentar "estender" substancialmente a vida do revelador para reduzir custos com suprimentos, especialmente em contas baseadas em custo por página, esta é uma prática bastante questionável. Quaisquer economias podem ser rapidamente jogadas fora quando o uso do revelador além de seu rendimento recomendado resultar em redução da carga do toner, redução do rendimento do toner e aumento na quantidade de pó de toner espalhado dentro do equipamento. A insatisfação do cliente com estes resultados irá, de fato, jogar fora tais economias em um piscar de olhos.
Junto com a escolha de um fornecedor confiável de suprimentos de imagem de qualidade e com bom custo-benefício, as decisões mais importantes em relação ao toner/revelador podem ser as mais básicas. Neste caso, assim como em tantos outros na nossa indústria, um pouco de conhecimento dos conceitos fundamentais é um enorme passo na direção de lucros duradouros.

Jordano Zanesco

Fonte: Blog Comade

Tributação das Empresas

Tributação das Empresas

Tributação das Empresas

Tributação das empresas: qual a forma mais vantajosa? Todos os anos as empresas têm de tomar...

10 January 2011 Leia mais...
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com

Automação Comercial

Benefícios Automação Comercial

Benefícios Automação Comercial

Automação comercial: uma questão de adaptação ao mercado e um investimento fundamental no varejo...

25 January 2011 Leia mais...
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com

Nota Fiscal gaúcha

Nota Fiscal Gaúcha

Nota Fiscal Gaúcha

O que é o Programa NFG? Nota Fiscal Gaúcha é um programa que, por meio da distribuição de prêmios,...

25 January 2011 Leia mais...
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com

Vantagens Sistema Gestão

Vantagens Sistema Gestão

Vantagens Sistema Gestão

A IMPORTÂNCIA DE SE TER UM SISTEMA NO PONTO DE VENDA É importante ter um sistema no ponto...

25 January 2011 Leia mais...
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com