Entenda a cronologia do caso envolvendo conversa entre Ribeiro e Bolsonaro

O ex-ministro da Educação Milton Ribeiro disse à filha que o presidente Jair Bolsonaro afirmou a ele que tinha um “pressentimento” de que ele poderia ser alvo da PF Este conteúdo foi originalmente publicado em Entenda a cronologia do caso envolvendo conversa entre Ribeiro e Bolsonaro no site CNN Brasil.

Entenda a cronologia do caso envolvendo conversa entre Ribeiro e Bolsonaro

Em áudio revelado nesta sexta-feira (24), o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro disse à sua filha que o presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou a ele que tinha um “pressentimento” de que ele poderia ser alvo da Polícia Federal. Ouça o áudio abaixo:

Em ligação realizada no dia 9 de junho, interceptada pela Polícia Federal no âmbito da operação Acesso Pago, que investiga suspeita de corrupção no Ministério da Educação (MEC), o ex-ministro da Educação disse à sua filha que havia conversado com o presidente – que estava em viagem nos Estados Unidos – e que Bolsonaro o teria alertado sobre uma possível operação de busca e apreensão.

Procurado para saber se houve interferência na PF ou se alertou o ministro sobre eventual mandado de busca e apreensão, o Planalto não se manifestou. Nesta sexta-feira (24), o advogado Frederick Wassef, que defende a família do presidente, disse que Bolsonaro “não tem nenhum contato e nunca mais falou com o ex-ministro [Milton Ribeiro]”.

“O presidente Bolsonaro não tem nenhum contato com o ex-ministro da Educação, portanto, se for verdade, se apurarem que o que ele está falando realmente ele disse, porque eu não sei, eu não tenho acesso”, disse.

O defensor ainda negou qualquer interferência do presidente na PF. “Eu quero deixar claro o seguinte, o presidente Bolsonaro não interferiu, não age, nada tem que ver e está absolutamente distante do ex-ministro e de todos os demais investigados”, afirmou.

Entenda a cronologia do caso:

6 a 8 de junho: Polícia Federal formula à Justiça o pedido de prisão e busca e apreensão contra o Milton Ribeiro e outros acusados

8 de junho: Presidente se encontrou com Pedro Cesar Sousa, subchefe para Assuntos Jurídicos da Secretaria-Geral da Presidência na Base Aérea de Brasília horas antes de embarcar em viagem para os Estados Unidos.

8 a 12 de junho: Bolsonaro e comitiva presidencial (inclusive o ministro da Justiça, Anderson Torres, responsável pela PF) participam de viagem aos EUA, onde participaram da Cúpula das Américas. Eles saem do Brasil no dia 8 às 22h30 e voltam no dia 12 à 0h10

9 de junho: ligação de Milton Ribeiro à filha quando ele diz que “hoje” conversou com o presidente Bolsonaro e foi avisado sobre o “pressentimento” a respeito de uma busca e apreensão

14 de junho: MPF se manifesta sendo contra a prisão e a favor de outras medidas

20 de junho: decisão do juiz pela prisão e busca e apreensão

22 de junho: O ex-ministro Milton Ribeiro, os pastores Gilmar Santos e Arilton Moura e outras duas pessoas são presas pela PF

Este conteúdo foi originalmente publicado em Entenda a cronologia do caso envolvendo conversa entre Ribeiro e Bolsonaro no site CNN Brasil.