Imprimir esta página
Terça, 03 Novembro 2020 19:56

MIT desenvolve app que detecta Covid-19 pelo som da tosse


Pesquisadores do MIT estão desenvolvendo um aplicativo que poderá identificar casos assintomáticos de Covid-19 apenas pelo som da tosse. Segundo os cientistas, apesar de casos desta natureza não apresentarem sinais reais, a
tosse possui outro aspecto em pacientes com a doença. Se finalizado, o app poderá ajudar milhões de pessoas em todo o mundo com diagnósticos do novo coronavírus.Com a ajuda de inteligência artificial, a aplicação pode diferenciar a tosse de pessoas saudáveis e a de pessoas com Covid. A ferramenta poderá servir de como uma espécie de pré-triagem gratuita, conveniente e não invasiva para indicar pacientes assintomáticos e que podem estar disseminando o vírus sem ao menos saber. Um artigo sobre o sistema foi publicado recentemente no IEEE Journal of Engineering in Medicine and Biology.ReproduçãoA expectativa é que em breve o aplicativo que identifica Covid pelo som da tosse possa ser instalado em celulares e notebooks. Créditos: VidMore/ShutterstockTreinamento da IAPara que o diagnóstico fosse possível, os algoritmos foram treinados com 70 mil sons de tosses retirados diretamente de navegadores da web ou de outros aplicativos onde usuários podem gravar estes sons por diversos motivos. Os testes identificaram com precisão 98,5% das tosses de pessoas confirmadas como tendo Covid-19, incluindo 100% das tosses de assintomáticos - que relataram não apresentar sintomas, mas tiveram resultado positivo para o vírus.A intenção é que os potenciais pacientes possam fazer login diariamente, tossir em seu smartphone ou notebook e obter instantaneamente informações sobre estar infectado e, portanto, confirmar com um teste formal. “A implementação efetiva desta ferramenta de diagnóstico em grupo poderia diminuir a propagação da pandemia se todos a usassem antes de ir para uma sala de aula, uma fábrica ou um restaurante”, afirmou um dos autores do aplicativo, Brian Subirana.Researchers have found that asymptomatic Covid-19 patients may have distinctive coughs. Indecipherable to the human ear, the differences can be picked up by artificial intelligence. Cellphone-recorded coughs could provide a convenient screening tool. https://t.co/OyHqC2KqNk pic.twitter.com/0kYdEIXQkd— Massachusetts Institute of Technology (MIT) (@MIT) October 29, 2020Cabe destacar que este modelo de IA também é utilizado para identificar de forma assertiva quadros de pneumonia e asma, além de possíveis sinais de Alzheimer, isto porque a doença também atinge as cordas vocais. Ao MIT News, Subirana explicou que “os sons da conversa e da tosse são influenciados pelas cordas vocais e órgãos ao redor. Isso significa que, quando você fala, parte do que fala é como tossir e vice-versa. Isso também significa que coisas que facilmente derivamos da fala fluente, a IA pode pegar simplesmente com tosses, incluindo coisas como sexo, língua materna ou até mesmo estado emocional da pessoa. Na verdade, há um sentimento embutido em como você tosse”, disse ele. “Então pensamos, por que não experimentamos esses biomarcadores de Alzheimer [para ver se eles são relevantes] para a Covid”, acrescentou o cientista.A partir de agora, a intenção é finalizar o projeto e, quem sabe, implementá-lo, por meio de parcerias com a Apple e Amazon, por exemplo, em equipamentos alto-falantes e assistentes digitais para realizar avaliações diárias.Via: Apple Insider
Ler 107 vezes Última modificação em Terça, 03 Novembro 2020 20:25