Imprimir esta página
Quinta, 11 Junho 2020 18:46

Não erre! Veja como fazer a canjica perfeita em casa

Avalie este item
(0 votos)

Mais uma quinta-feira, mais um Não Erre junino! Já falamos sobre como fazer o arroz doce perfeito e agora o Receitas Culinárias reúne dicas para você fazer a

melhor canjica para trazer o espírito das festas juninas em casa!

Segundo o docente de gastronomia do Senac Jorge Da Hora, há diferenças no prato de compararmos sul e nordeste, por exemplo, mas ainda assim, a base do doce é a mesma: milho, leite e leite de coco.

"A canjica ou mugunzá tem poucas diferenças entre si, como as adições de açúcar caramelizado ou a opção do amendoim no sudeste. O mugunzá contém apenas leite, o milho branco e as especiarias no cozimento", afirma Jorge.

Seja na versão mais paulista ou na receita nordestina, reunimos dicas de Jorge e da chef Andrea Follador para você aprender a fazer a canjica perfeita em casa. Nada de milho duro ou caldo sem gosto!

1. O cozimento do milho branco

André Ctenas

"Há quem goste mais cozido, há quem goste com mais textura, mas o ideal é ficar bem cozido", afirma o docente. Jorge indica cozinhar o milho branco por cerca de 1h30.

Se não tiver paciência para esperar o cozimento, o docente recomenda deixar o milho de molho na noite anterior ao preparo. Andrea concorda e aponta que quanto mais tempo na água, mais rápido é o cozimento.

"Colocar na panela de pressão é uma boa ideia para apressar o processo", ensina Jorge.

Leia também: Para um arraial inovador! 6 receitas de festa junina que fogem do comum

2. Especiarias são sempre bem-vindas

canela
shutterstock


Enquanto o milho cozinha você já pode incluir especiarias na receita. "O mais tradicional é com cravo e canela, mas adicionar anis-estrelado, cardamono e até zimbro são aceitos para dar mais aroma e sabor ao milho", afirma Jorge.

E se quiser finalizar com especiarias, canela e anis são ótimos, segundo o docente.

3. Pode cozinhar com leite, mas água é o melhor

canjica
Divulgação


Jorge aponta que o milho pode ser cozido diretamente no leite, mas por conta do tempo gasto e da redução rápida do leite, é mais interessante cozinhar primeiro na água e adicionar o ingrediente depois. "É uma economia de tempo e dinheiro, já que você teria que ficar adicionando cada vez mais leite", ressalta.

4. E leite condensado, pode?

leite condensado
Pixabay

O básico da canjica é o milho branco com leite de vaca e coco, mas muitas receitas levam também leite condensado. Com isso, o resultado é uma canjica mais doce e mais cremosa.

5. Inove na canjica!

canjica
Reprodução Pinterest


Canjica carrega tradição, mas é possível mudar e adicionar outros ingredientes para inovar a sobremesa. "Pode-se transformar a canjica em um tipo de creme brûlée adicionando açúcar ou caramelo para finalizar, ou até servir com sorvete", sugere Jorge.

Já Andrea indica substituir o leite condensado da receita por caramelo. "Assim, há a doçura na medida correta para a receita. Outra ideia é combinar o caramelo com uma flor de sal, que dá ainda mais sabor", afirma a chef.

Anotou as dicas? Veja algumas receitas de canjica:

Ler 122 vezes