Imprimir esta página
Sexta, 18 Dezembro 2020 01:06

Com 'reforços' do profissional, Corinthians é derrotado pelo Red Bull Bragantino no Brasileirão sub-23

Avalie este item
(0 votos)


Na tarde desta quinta-feira, o Corinthians visitou a cidade de Jarinu e sofreu uma derrota para o Red Bull Bragantino, pela quinta rodada da segunda fase do Campeonato Brasileiro

de Aspirantes, o placar final da partida ficou em 4 a 3 para a equipe mandante, os gols do alvinegro foram de Luan Vitor, Daniel Penha e Hugo Borges. O técnico Edson Leivinha contou com os "reforços" de Raul Gustavo e Roni, que foram cedidos pela equipe principal do Timão.

TABELA

GALERIA

A derrota deixou o Corinthians com 5 pontos, na quarta colocação do grupo D do Brasileiro. Na última rodada, na próxima segunda-feira, o Corinthians enfrenta o Juventude em confronto direto na busca pela classificação para as semifinais do Brasileirão sub-23. Para manter o sonho de conquistar a vaga, será preciso vencer o time gaúcho por mais de dois gols de diferença

O Corinthians começou a partida de forma ofensiva. Daniel Penha lançou de uma ponta a outra para Hugo Borges, ele dominou e tocou de calcanhar para Luan Vitor chegar chutando forte de canhota e abrir o placar. O RB, porém, empatou aos 20 minutos, após falta pela direita. Na cobrança, a bola desviou na barreira e Guilherme arriscou de fora da área, balançando a rede.

No fim do primeiro tempo, em mais uma chegada pelo meio-campo, Daniel Penha deixou o Timão na frente novamente. Hugo Borges fez o passe para o meia driblar o goleiro e finalizar para deixar o placar em 2 a 1. Não demorou muito e o Alvinegro chegou ao terceiro gol. No campo de defesa, Warian tocou para Hugo Borges, que driblou o zagueiro e chutou de fora da área: 3 a 1.

Mas as coisas mudaram no segundo tempo. Apesar de um bom início do Corinthians e uma reação tardia do Bragantino, os donos da casa conseguiram a virada que começou aos 25 minutos, quando Iago Teles descontou para o Red Bull em jogada individual e, de cavadinha, encobriu o goleiro Guilherme Pezão.

Naquela altura, o Bragantino já tinha mais posse de bola e aos 30 minutos de jogo, Raul Gustavo, "emprestado" pelo profissional, cometeu pênalti no atacante adversário. Na cobrança, Iago Teles faz o segundo dele no jogo e deixou tudo igual no placar: Corinthians 3 x 3 Red Bull Bragantino.

O drama corintiana continuaria. Guilherme Pezão ainda conseguiu fazer uma defesa milagrosa aos 46 minutos após jogada individual do atacante do Red Bull. Na sequência da jogada, Roni, outro jogador cedido pelo elenco principal, ligou o contra-ataque e chutou para a defesa do goleiro adversário.

Antes do fim da partida, aos 50 minutos de jogo, o Corinthians cometeu mais um pênalti. Na cobrança de Wagner Eduardo, Pezão ainda conseguiu tocar na bola, mas ela acabou entrando, dando números finais para o duelo: 4 a 3.

Ainda sonhando com a classificação para a semifinal da competição, pela última rodada da segunda fase do Brasileiro de Aspirantes, o Timão recebe o Juventude, na Fazendinha, na próxima segunda-feira, às 15h.

Ler 34 vezes