Segunda, 21 Setembro 2020 08:39

Rede clandestina causou descarga elétrica que matou 4 da mesma família no Amapá, diz CEA


Vistoria feita pela Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) identificou a ilegalidade na fiação que atingiu moto e causou o acidente em Pedra Branca do Amapari. Estado da
motocicleta após a descarga elétrica em Pedra Branca do Amapari Polícia Civil/Divulgação A Polícia Civil retornará ao longo da semana na comunidade de Sete Ilhas, em Pedra Branca do Amapari, para seguir com a investigação sobre a descarga elétrica que atingiu uma moto e matou 4 pessoas da mesma família: pai, mãe e dois filhos, de 2 e 5 anos. O acidente aconteceu no domingo (13). A delegacia do município recebeu relatório da Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) de que o cabo que encostou na moto em movimento, onde estavam as quatro pessoas, fazia parte de uma rede clandestina que fornecia energia para propriedades da região. O cabo estava jogado na pista e a atingiu a motocicleta, causando a descarga elétrica. Gilson Cruz da Silva, de 33 anos, e os filhos Gerson Silva e Silva, de 5 anos, e Graziele Silva da Silva, de 2 anos, morreram na hora. A mãe das crianças, Gleice Kelle Gomes da Silva, de 26 anos, morreu após 3 dias internada no Hospital de Emergência (HE) de Macapá. Ela sofreu queimaduras de 3º grau em 70% do corpo e não resistiu aos ferimentos. O local onde ocorreu o acidente fica num pequeno ramal em estrada de terra cercado por mata fechada. Imagens feitas pela polícia mostraram a moto completamente destruída. O delegado Antério Almeida, que comanda a investigação, informou que o cabo clandestino que causou o acidente foi retirado pela CEA. A Polícia Civil vai apurar como houve a ligação ilegal para a área, se a energia está sendo furtada da rede de alta tensão e como aconteceu a ruptura do cabo. Local onde a moto sofreu a descarga elétrica fica ao lado de um poste Polícia Civil/Divulgação Veja o plantão de últimas notícias do G1 Amapá
Ler 53 vezes

Atendimento ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Suporte ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Depto financeiro:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Publicidade & Propaganda: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Notícias

Vídeos

Guia Comercial

Nossa Empresa

Please publish modules in offcanvas position.