Big Banner Hospedagem de Site 1360x150
Quinta, 02 Mai 2019 14:32

Simulação de acidente de trânsito marca início da campanha 'Maio Amarelo' no AP


Intervenção ocorreu na manhã desta sexta-feira (3), no Centro de Macapá. Simulação de acidente de trânsito envolvia uma motorista e um motociclista no Centro de Macapá Carlos Alberto Jr/G1 Para
conscientizar a população sobre o alto índice de acidentes no trânsito no Amapá, começou, na manhã desta sexta-feira (3), a campanha "Maio Amarelo". Para marcar o início das ações, uma colisão com vítimas fatais foi simulada na Rua São José, no Centro de Macapá. A intenção, segundo os organizadores, é mostrar o quão devastador um acidente de trânsito pode ser na vida das pessoas envolvidas. Além de atores, a cena teve a presença de bombeiros, policiais e agentes de trânsito, que fecharam parte da via para tornar o cenário o mais real possível. A programação do Maio Amarelo reúne agentes de diversos órgãos de trânsito e saúde, municipais e estaduais. Nesta sexta-feira, eles distribuíram panfletos, o laço amarelo – símbolo da campanha, e deram informações para quem passava pela Praça Veiga Cabral, perto do local onde o acidente foi simulado. Inácio Maciel, diretor do Detran-AP, informou que campanha reforça a atuação dos órgãos pela defesa da vida no trânsito Carlos Alberto Jr/G1 O diretor do Departamento Estadual de Trânsito do Amapá (Detran-AP) Inácio Maciel, explicou que o movimento busca avaliar a resposta das forças de segurança, salvamento e trânsito do estado, quanto ao atendimento às vítimas em acidentes graves. "A ideia é preparar nossas equipes para que estejam prontas para atender acidentes com mais gravidade. Ao mesmo tempo em que essa simulação é uma forma de mostrar, de maneira mais explícita as consequências dos acidentes no trânsito, sobretudo quando os motoristas não estão usando cinto de segurança e ingerindo bebidas alcoólicas", disse. Entre as ações, que neste ano acontecem em todos os municípios do estado, contam com panfletagens, bate-papo sobre segurança no trânsito em escolas e faculdades, blitzen educativas, campanhas de acessibilidade. O funcionário público Rodrigo Araújo, 32 anos, contou que ficou surpreso quando viu os veículos expostos e disse que eles mostram o resultado da imprudência no trânsito. Para ele, a ação é válida. "É importante fazer a conscientização. O caminho é esse, ir 'martelando' as informações, porque quando a pessoa tem acesso à informação, isso ajuda a fazer com que ela tenha mais cuidado", enfatizou. Simulação aconteceu na Rua São José, uma das mais movimentadas do Centro da capital Carlos Alberto Jr/G1 Ação envolveu socorristas do Samu, resgate do Corpo de Bombeiros e demais agentes de instituições de salvamento Carlos Alberto Jr/G1 Para ler mais notícias do estado, acesse o G1 Amapá.
Ler 27 vezes

Atendimento ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Suporte ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Depto financeiro:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Publicidade & Propaganda: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Notícias

Vídeos

Guia Comercial

Nossa Empresa

Please publish modules in offcanvas position.