Imprimir esta página
Terça, 15 Setembro 2020 20:48

PDT oficializa candidatura de Ruy Motta à prefeitura de Porto Velho


Também foram indicados 25 candidatos à Câmara Municipal. Partido ainda não definiu se fará coligação. Ruy Motta Cássia Firmino/Rede Amazônica O Partido Democrático Trabalhista (PDT) oficializou nesta terça-feira
(15) a candidatura de Ruy Motta à prefeitura de Porto Velho. O anúncio aconteceu em uma convenção realizada de forma presencial. O candidato a vice deve ser anunciado nos próximos dias. Durante a convenção, realizada na sede do partido, o nome de 25 candidatos a vereador também foram divulgados, sendo 10 mulheres e 15 homens. O partido ainda não definiu se fará coligação. "PDT está em festa hoje pela nossa convenção municipal para a escolha de candidato a prefeito, vice-prefeito, vereadores e também aprovar a coligação que nós vamos trabalhar em 2020. Eu gostaria de convidar toda a sociedade de Porto Velho a nos prestigiar, nos apoiar", comentou Ruy. Perfil Ruy Parra Motta tem 64 anos e atua como advogado há 30 anos. Natural de Porto Velho, o candidato também é procurador da Assembleia Legislativa de Rondônia, já disputou eleições em anos anteriores e assumiu como suplente do senador Acir Gurgacz em 2010. Confira o cronograma eleitoral a partir de 11 de agosto: emissoras ficam proibidas de transmitir programa apresentado ou comentado por pré-candidato, sob pena de cancelamento do registro do beneficiário; 31 de agosto a 16 de setembro: convenções partidárias para definição de coligações e escolha dos candidatos. Podem ser realizadas por meio virtual; 31 de agosto a 26 de setembro: período para o registro de candidaturas. Início do prazo para que a Justiça Eleitoral convoque partidos e emissoras de rádio e TV para elaboração do plano de mídia; 27 de setembro: Início da Propaganda Eleitoral, inclusive na internet; 15 de novembro: 1º turno das eleições; 29 de novembro: 2º turno das eleições; 15 de dezembro: Último dia para entrega das prestações de contas; 18 de dezembro: Prazo final para diplomação dos eleitos.
Ler 41 vezes