Quarta, 02 Setembro 2020 10:11

Polícia Civil divulga nome de quatro foragidos investigados por desvios de verbas da Saúde de RR


Entre os nomes divulgados estão o vice-presidente da Coopebras e a esposa dele, além dos responsáveis pelo setor financeiros e operacional da cooperativa. Polícia Civil durante coeltiva para divugar
informações sobre como funcionava o esquema da Coopebras Suzanne Oliveira/G1 RR A Polícia Civil divulgou o nome de quatro investigados pela Operação Hipócrates, que investiga irregularidades na Saúde de Roraima, nesta terça-feira (1). O grupo faz parte da Cooperativa Brasileira de Serviços Múltiplos de Saúde (Coopebras). Procurada, a Coopebras não se manifestou sobre o caso até a publicação desta matéria. O G1 tenta contato com os quatro investigados que tiveram os nomes divulgados pela Polícia Civil. Segundo a delegada titular de Repressão aos Crimes Contra a Administração Pública (DRCAP), Magnólia Soares, os suspeitos tiveram suas prisões decretadas mas estão foragidos: O vice-presidente da Coopebras, Edivaldo Pereira Vieira, de 59 anos; Esmeralda Menezes Vieira, de 51 anos, esposa de Edivaldo e responsável pelas empresas na Bahia; Maria Oélia Paulino, de 60 anos, responsável pelo setor financeiro da Coopebras; Edilson Pereira Vieira, de 52 anos, responsável pela parte operacional da Coopebras, inclusive as escalas dos médicos. “A Lei permite que a autoridade policial divulgue o nome de foragidos para, assim, facilitar sua identificação e possível localização”, afirmou a delegada. A Civil informou que, ainda nesta terça, a equipe de Roraima designada a coordenar trabalhos de busca e apreensão na Bahia, trouxe para Boa Vista um material considerável de documentos apreendidos. Agora, a Civil iniciará uma nova fase das investigações que é a extração dos dados documentais apreendidos na Bahia. As investigações são realizadas pela DRCAP e Divisão Especial de Combate a Corrupção (Decor) desde o ano passado. A ação também ocorreu integrada com o Ministério Público Estadual e o Poder Judiciário e foi executada em Roraima e na Bahia. As três fases da Operação Hipocrates A primeira fase da Operação Hipócrates foi em junho de 2019. Na época, a Polícia Civil tinha como foco médicos efetivos que cumpriam jornadas de trabalho simultâneas. Conforme as investigações, os profissionais eram escalados por uma empresa privada para cumprir plantão pelo mesmo horário que eram contratados pelo governo. O nome da operação faz referência ao médico grego que é considerado "o pai da medicina". A ação correspondia a desvios de verbas, peculato, apropriação indébita e falsidade ideológica de médicos que trabalharam na Cooperativa Brasileira de Serviços Múltiplos de Saúde (Coopebras) entre 2015 e 2019. A segunda fase da operação, denominada Tracto, foi deflagrada em outubro de 2019. No dia, foram presos em flagrante o vice-presidente da Coopebras e um médico. Eles estavam com armas e munições, informou a Polícia Civil. Os alvos na segunda fase foram agentes públicos que atuavam na saúde pública de Roraima. A operação Tracto foi batizada com esse nome em virtude da palavra em latim que significa "manipuladores". Já na terceira fase, a Polícia Civil informou que a Coopebras desviou ao menos R$ 30 milhões da Saúde pública de Roraima durante anos de contratos para fornecer serviços médicos. Foram expedidos cinco mandados de prisão e cumpridos mais de 40 mandados de busca e apreensão de veículos, além do sequestro de vários imóveis pertencentes ao presidente da Coopebras. Dos cinco mandados, apenas uma pessoa foi presa. As outras quatro são consideradas foragidas, informou a Civil.
Ler 7 vezes

Atendimento ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Suporte ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Depto financeiro:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Publicidade & Propaganda: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Notícias

Vídeos

Guia Comercial

Nossa Empresa

Please publish modules in offcanvas position.