Quarta, 16 Setembro 2020 20:45

Tempestade Sally perde força, mas ainda deve causar estragos nos EUA

Avalie este item
(0 votos)
Centro da cidade de Pensacola, na Flórida, ficou inundado GERALD HERBERT/ASSOCIATED PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

O furacão Sally foi rebaixado para categoria de tempestade tropical, menos de 10 horas após tocar o solo nos Estados Unidos. No entanto, devido à baixa velocidade de deslocamento, mantém seu potencial destrutivo.

Chuvas torrenciais são esperadas nas próximas horas em partes do Alabama, Mississippi e Flórida. Em algumas localidades pode cair até 100 mm de chuva por hora.

A tempestade tem ventos sustentados de 112 km/h, mas preocupa mais as autoridades por se deslocar muito lentamente — a cerca de 8 km/h, de acordo com o Centro Nacional de Furacões dos EUA.

Essa condição aumenta o risco de enchentes por onde passa. Segundo o órgão meteorológico, a tempestade pode provocar "enchentes históricas e catastróficas" desde a baía de Mobile, no Alabama, até a capital da Flórida, Tallahassee.

A porção noroeste da Flórida, chamada de Panhandle, é uma das áreas mais afetadas. Na cidade de Pensacola, a água subiu a cerca de 1,5 m na região central. 

Um trecho de uma ponte recém-construída na baía de Pensacola foi arrancado durante a passagem do furacão, segundo a administração do condado de Escambia.

Autoridades estimam que cerca de 500 mil imóveis estejam sem energia elétrica nos estados da Louisiana, Alabama e Flórida.

Ler 18 vezes

Atendimento ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Suporte ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Depto financeiro:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Publicidade & Propaganda: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Notícias

Vídeos

Guia Comercial

Nossa Empresa

Please publish modules in offcanvas position.