Terça, 22 Setembro 2020 09:13

Reino Unido prevê nova aceleração da Covid-19 e prepara medidas de isolamento

Avalie este item
(0 votos)

undefined
Reprodução: BBC News Brasil
Transeuntes em Londres

A alta de casos do novo coronavírus na Europa não tem poupado o

Reino Unido, onde autoridades científicas fizeram alertas pessimistas sobre o avanço da doença nas próximas semanas - em um indicativo de que novas medidas de isolamento social podem ser implementadas pelo governo.

Patrick Vallance, conselheiro científico chefe do governo britânico, advertiu na segunda-feira (21/9) que o país corre o risco de registrar 50 mil casos por dia em meados de outubro se nada for feito para conter o ritmo atual da pandemia. Isso, por sua vez, faria o número de mortes passar de 200 por dia em novembro.

Atualmente, o patamar de casos diários no Reino Unido está em cerca de 3,7 mil, segundo a média dos últimos sete dias calculada pela Escola de Higiene e Medicina Tropical de Londres. Mas há estudos apontando que o número possa já estar em cerca de 6 mil casos diários.

Portanto, o nível de alerta do país subirá para o de "transmissão em alta ou aumentando exponencialmente".

"No momento, achamos que a epidemia está dobrando ao redor de a cada sete dias", afirmou Vallance. "Se - e aqui cabe um grande se - isso continuar no mesmo ritmo, e crescer (ainda) dobrando a cada sete dias, teremos cerca de 50 mil casos por dia em meados de outubro."

O desafio, afirmou ele, "é garantir que esse tempo de duplicação não fique em sete dias. Isso exige velocidade, ação e (medidas) o suficiente para reduzir (o número de casos)".

O secretário de Saúde, Matt Hancock, afirmou que o país está diante de um "ponto de virada", que pode levar a uma alta significativa da circulação do vírus.

Chris Witty e Patrick Vallance
BBC
Chris Witty e Patrick Vallance, conselheiros do governo, advertiram que quantidade de casos pode chegar a 50 mil por dia em meados de outubro

Ao mesmo tempo, o médico Chris Witty, conselheiro do governo, afirmou que o coronavírus não está se limitando aos mais jovens - apontados como os principais responsáveis pela alta da doença na Europa. "(O vírus) está subindo para as demais faixas etárias", afirmou.

Sem lockdown, mas mais restrições

Na terça-feira (22/9), o premiê Boris Johnson deverá realizar uma reunião com seu comitê de emergência da pandemia e, em seguida, fazer um pronunciamento no Parlamento.

A editora de política da BBC, Laura Kuenssberg, diz que é esperado que o governo anuncie novas medidas para conter o vírus, embora os detalhes ainda não tenham sido decididos.

Segundo ela, o governo não cogitava, até esta segunda-feira, estabelecer um novo lockdown (quarentena obrigatória e de regras rígidas) como fez em março, nem pedir a todas as pessoas que fiquem em casa ou voltar a fechar as escolas, mas sim implementar limites ao funcionamento de serviços de hospitalidade e entretenimento.

Mas, em algumas partes do Reino Unido, novas medidas de isolamento já foram anunciadas.

Na Irlanda do Norte, o governo local determinou que, a partir desta terça (22/9), pessoas que moram em casas diferentes não devem mais fazer atividades juntas, com algumas exceções. Também pediu que encontros em áreas como quintais se limitem a no máximo seis pessoas, de no máximo duas residências diferentes.

A ministra local Arlene Foster afirmou que "não se trata de um retorno ao lockdown", mas "não fazer nada não é uma opção".

Ela acrescentou que "as restrições são limitadas, e estamos mais bem posicionados do que (na época do) auge da pandemia".

Na Escócia, a chefe do governo local Nicola Sturgeon também afirmou que medidas de isolamento "quase certamente" serão implementadas, mesmo que independentemente das decisões do governo central em Londres.

Ler 63 vezes

Atendimento ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Suporte ao Cliente:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Depto financeiro:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Publicidade & Propaganda: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Notícias

Vídeos

Guia Comercial

Nossa Empresa

Please publish modules in offcanvas position.